Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

O que é Wireless Broadband Access (WBA)

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

1 O que é Wireless Broadband Access (WBA) em Qui Abr 01, 2010 12:58 am

dr olk


Admin
Apesar da crescente evolução e popularização da internet, muitos países, especialmente aqueles com baixo poder aquisitivo, ainda não contam com um bom serviço de banda larga. Muitas vezes, o que está em jogo nem é a qualidade do serviço, mas o preço praticado – ainda mais se comparado com a velocidade.

A Wireless Broadband Access (WBA) é uma solução em banda larga sem fio (wireless) desenvolvida pela empresa norte americanas Ruckus Wireless que promete uma internet com velocidade de até 300 Megabits por um custo bem menor. A empresa tem como um de seus alvos, oferecer esse tipo de rede para países cuja população tenha poder aquisitivo menor, como uma alternativa para as conexões DSL, WiMax e 3G.

Outro grande público que a empresa pretende alcançar é o dos hóspedes de hotel. Na maioria dos hotéis você encontra bom atendimento, serviços de alta qualidade, boa comida, etc., porém se esquecem de oferecer o Wi-Fi como um diferencial para clientes que estão em viagem de negócios, por exemplo. Ou quando oferecem, a qualidade nem sempre é das melhores.
Segundo a Ruckus, a grande vantagem da WBA é o custo para montagem da infraestrutura necessária, que é mais baixo que o das redes baseadas em outras tecnologias. Estima-se que o capital inicial para cobertura de determinada região pela WBA é aproximadamente cinco vezes menor do que o presente no mercado, além de possuir um custo trinta vezes menor de capacidade incremental.

Além disso, a arquitetura necessária para oferecer a WBA pode ser montada em meses ao invés de levar anos. Esse tipo de wireless da Ruckus tem como diferencial o acesso Wi-Fi com um sinal melhor e sem interferências.
Tecnologias empregadas na WBA

A WBA utiliza a banda 802.11n - aprovada recentemente - para transmissões Wi-Fi, que visa a alcançar uma velocidade nominal de 300 Megabits, o que representa quase seis vezes o valor das redes 802.11g atuais, com apenas 54 Megabits. Além disso, o alcance para transmissão aproximadamente duas vezes maior que o dos serviços oferecidos.

A solução da Ruckus Wireless combinou a tecnologia 802.11n com uma poderosa antena (chamada pela empresa de antena “Smart Wi-Fi”) para combater problemas de interferência na transmissão externa do sinal. Essa antena também permite um maior aproveitamento de redes wireless intercaladas, pois variando a direção de cada pacote de transmissão, redes adjacentes podem transmitir simultaneamente no mesmo canal maximizando, assim, a capacidade da rede.
Em comparação com roteadores Wi-Fi convencionais, nos quais o sinal esporadicamente acaba sendo perdido conforme o alcance, o sinal transmitido pela “Smart Wi-Fi” é direto e voltado para um alvo específico e a antena detecta com precisão seu alvo, mesmo que ele esteja em movimento ou que o caminho do sinal tenha sido bloqueado.

As ondas de baixa frequência de rádio da Wi-Fi auxiliadas pelo CPE (Customer Premises Equipment ou Customer Provided Equipment algo que seria, em uma tradução livre, "equipamento das instalações do cliente") atuando como um receptor permite que os sinais atravessem inclusive paredes bem reforçadas.

De acordo com André Queiroz, diretor da Ruckus para América Latina, a instalação dos pontos de acesso da WBA não requer frequência licenciada. A solução pode ser usada em condomínios e oferecer cobertura em áreas públicas com até cinco milhões de habitantes. A fórmula aproximada é que um lugar que tenha quinze pontos de acesso possua capacidade para atender até três mil residências.

Ainda segundo Queiroz, a WBA também pode ser utilizada pelas operadoras de banda larga como uma espécie de serviço de complementação. Desta forma, quando a demanda da banda larga 3G estiver muito alta, é possível utilizar o Wi-Fi para reduzir o tráfego.

Já está disponível?
A WiNet, uma operadora de serviços de internet da Ásia atualmente já está utilizando a infraestrutura da WBA para oferecer planos de rede para seus clientes. No Chile, a Ruckus tem atuado há aproximadamente dois anos, fornecendo um serviço semelhante que integra Wi-Fi e IPTV com bastante sucesso.

No Brasil, a empresa tem divulgado seu serviço por meio de revendas e alguns de seus parceiros são as redes de hotéis Accor e a Uniube. Inclusive, a própria WBA já está disponível, sendo necessário apenas que os provedores estejam interessados em construir redes alternativas ao DSL, 3G e WiMax.

Com relação ao custo, a Ruckus garante que seu serviço pode custar muito pouco, a começar pela economia proporcionada com a instalação e arquitetura necessária. Só resta mesmo esperar que alguma operadora demonstre seu interesse e comece a disponibilizar o serviço para seus clientes.

by:Baixaki

Ver perfil do usuário http://forumyakuza.ativoforum.com

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum